Cristina – Vai e Vem (Letra da música)

Vai e Vem – Cristina — Letra

Cristina,
Tu estás triste…
Cristina,
Nem queres uma flor
Já voltaste a sussurrar ao ouvido de quem nem sequer te quer ouvir…

Mas tu sabes contar até três,
Vê se acordas duma vez,
Atina e vem dançar…

Ainda grito, bem de longe, OH CRISTINA
Que tenho uma flor pra ti,
Mas tu voltaste o olhar,
Afinal que segredos tens pra me contar…

Ai Tininha,
Tu és frágil demais, para esse rapaz…
Tu mereces quem te traga uma rosa escondida, no banco de trás…
Tu cheiraste-a e olhaste pra mim,
Tininha, será que gostas de mim?
Hmm, talvez possamos dançar…

Ainda grito, bem de longe, OH CRISTINA
Não te esqueças da flor aqui…
Já não voltaste o olhar…
Afinal que segredos tens pra me contar?

Ainda grito, OH CRISTINA
Não te esqueças da flor aqui…
Já não voltaste o olhar…
Afinal que segredos tens tu pra me contar?

Estou tão rouco,
De gritar, OH CRISTINA
Que já mal consigo cantar…
Mas no final,
Eu e tu, acabamos a dançar…